http-equiv='refresh'/> ESPÍRITA NUNCA MAIS: Março 2014

quinta-feira, 27 de março de 2014

Pai de santo usava “entidades” para estuprar jovens, diz polícia.


As vítimas dizem que ele colocava medo dizendo que se elas se negassem a manter relações com ele seriam castigadas pelas entidades.



 
                                                          Pai de santo usava "entidades" para estuprar jovens 

Um caso em Brasília surpreendeu a polícia. Um pai de santo foi preso nesta segunda-feira (24) acusado de abusar sexualmente de adolescentes em Guará.

As investigações da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) apontaram para o fato de que o homem ameaçava as vítimas usando sua religião para causar medo.

As meninas tinham entre 11 e 15 anos quando começaram a sofrer os abusos, para forçá-las a manter a relação o pai de santo dizia que se elas se recusassem seriam punidas pelas entidades espirituais que ele servia.

As duas meninas hoje têm 17 e 13 anos e o laudo do Instituo Médico Legal confirma o rompimento do hímen das garotas, validando as acusações da Polícia.

O sacerdote, que não teve o nome revelado, nega todas as acusações dizendo que nunca esteve sozinho com as meninas que também frequentam as reuniões espirituais do centro.

Em seu depoimento ele também diz que uma das vítimas chegou a se insinuar para ele depois que perdeu a virgindade no Rio de Janeiro, mas ele não aceitou ter relações com a menina e então ela o ameaçou dizendo que o acusaria de estupro.

A DPCA acredita que o pai de santo tenha violentado outras meninas, mas não há outras acusações contra o religioso que segue preso e vai responder por três crimes: estupro de vulnerável, estupro mediante fraude e por perturbação de tranquilidade. 

Com informações Correio Braziliense


Os feiticeiros serão lançados no inferno.


“Quanto aos tímidos...aos feiticeiros... a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre, que é a segunda morte” (Ap 21.8).

“Os feiticeiros são os adeptos da Nova Era, os “espiritualistas”, aqueles dados à prática do ocultismo e do espiritismo. Não existe nem alto nem baixo espiritismo, assim como não há espírito de luz desencarnado, nem espírito de morto atrasado ou não, que se comunique com os vivos. Qualquer modalidade quer de espiritismo – ou do eufemismo ‘espiritualismo’ - quer de ocultismo, é prática satânica de consulta aos mortos. Estes não tem permissão divina, nem conseguem, em ato de desobediência, comunicar-se com ser humano algum, dentre os viventes. Os ditos médiuns ou sensitivos não passam de pessoas com as quais Satanás está a cirandar, a ridicularizar e a enganar, pois dela se utiliza para falar aos homens, fazendo-se passar por espírito familiar. O demônio [o autor refere-se a Satanás] é o pai da mentira, o usurpador por excelência. Toma alguns incautos e os convence de que, através de exercício de controle da mente, de sacrifício pessoal, de abstinência, podem desenvolver dons naturais e tornarem-se sensitivos ou médiuns – isto é, pensam vir a adquirir a faculdade de intermediar a comunicação com os mortos. A suposta comunicação com os mortos é na verdade um pecado grave – um ato de desobediência a Deus, que proíbe tal prática. Trata-se de fato de comunicação sobrenatural com o próprio demônio, que dela se utiliza para arrastar à condenação eterna tanto os médiuns ou sensitivos, como os que se chamam de espíritas, de espiritualistas, de ocultistas ou de adeptos de ritos afros – não adianta o apelido que se lhes dê, todos os que se dão a tais práticas estão incursos em pecado (desobediência a um ordenamento divino), e a consequência do pecado é a condenação eterna. Tampouco existe poder sobrenatural algum, nem iluminismo, latente na mente, que se desabroche através do exercitar-se mentalmente. Ocultismo-espiritualismo são linhas paralelas. Estas, por definição, nunca se encontram (ou encontram-se no infinito); vale dizer, linhas paralelas nunca, jamais levam ao encontro com Deus. Para ter-se um encontro com Deus, só há um caminho: “Eu sou o caminho...”. Mas ainda: “Todos quantos vieram antes de mim são ladrões e salteadores, mas as ovelhas não os ouviram” (Jo 10.8). Fora de Jesus não se chega à iluminação alguma, porque Jesus é a luz verdadeira, que alumia a todo homem que vem ao mundo (Jo 1.9). “Olhai para ele, e sede iluminados, e os vossos rostos jamais serão confundidos” (Sl 34.5). Além de Jesus, só há no mundo a iluminação solar e a luz elétrica. Não seja tolo, não se deixe engodar por Satanás, que o quer desviar da Luz Verdadeira. Quanto à proibição de o homem tentar comunicar-se com mortos e à impossibilidade de os mortos falarem com os vivos, veja 1Sm 28.7 a 20; 2 Cr 33.6; Is 18.19; Lc 16.27 a 31.

Fonte Livro “Uma visão do Apocalipse”, autoria do pastor Cariolano Fagundes.

Transcrição: Pr. Airton Evangelista da Costa

terça-feira, 18 de março de 2014

CHICO XAVIER E SUA COMUNICAÇÃO COM OS MORTOS!?:


O objetivo do artigo não é falar sobre a pessoa e nem sobre o caráter de Chico Xavier. Nós queremos aqui fazer uma breve analise de apenas um de seus muitos ensinos que estão em aberto conflito contra a Palavra de Deus. Vamos falar sobre a sua comunicação com os mortos.
Deus proibiu explicitamente a prática da comunicação com os mortos (necromancia), prática essa que era o carro chefe da obra de Chico Xavier.
Veja o que Deus proibiu em Deuteronômio 18: 9-12:

“Quando entrarem na terra que o Senhor, o seu Deus, lhes dá, não procurem imitar as coisas repugnantes que as nações de lá praticam.
Não permitam que se ache alguém entre vocês que queime em sacrifício o seu filho ou a sua filha; que pratique adivinhação, ou se dedique à magia, ou faça presságios, ou pratique feitiçaria
ou faça encantamentos; que seja médium, consulte os espíritos ou consulte os mortos.
O Senhor tem repugnância por quem pratica essas coisas, e é por causa dessas abominações que o Senhor, o seu Deus, vai expulsar aquelas nações da presença de vocês.”

Leia também o que Deus disse com respeito a esta prática pagã já praticada milhares de anos atrás no Egito:

“Os egípcios ficarão desanimados, e farei que os seus planos resultem em nada. Depois eles consultarão os ídolos e os necromantes, os médiuns e os adivinhos." (Isaías 19:3)

Não importa se Chico Xavier fez obras de caridade por tantas décadas. SUAS OBRAS NÃO TORNAM ESTE ENSINAMENTO QUE É REPUGNANTE A DEUS, ALGO AGRADÁVEL E ACEITÁVEL AO SENHOR.
Uma das coisas que acontecem com facilidade em nosso país corrupto, é aceitar as coisas através da emoção. Muitos que hoje falam mal do presidente Lula, choraram com ele quando ele chorou ao assumir a presidência. Se uma pessoa famosa e querida comete um crime e se apresenta na televisão aos prantos, as pessoas diminuem ou quase desculpam o seu crime.
Por que é que Deus proíbe a necromancia? Porque os mortos não podem se comunicar conosco, nem nós com eles.
A Bíblia diz:

“Pois os vivos sabem que morrerão, mas os mortos nada sabem; para eles não haverá mais recompensa, e já não se tem lembrança deles. Para eles o amor, o ódio e a inveja há muito desapareceram; nunca mais terão parte em nada do que acontece debaixo do sol.” (Eclesiastes 9;5 e 6)

Os mortos não podem se comunicar conosco por um simples motivo, eles estão mortos. Seria como você querer falar por telefone com alguém que não tem mais telefone. Quando uma pessoa morre, ela deixa de existir até que Cristo volte. Isto é bíblico, veja:

“Irmãos, não queremos que vocês sejam ignorantes quanto aos que dormem, para que não se entristeçam como os outros que não têm esperança.
Se cremos que Jesus morreu e ressurgiu, cremos também que Deus trará, mediante Jesus e com ele, aqueles que nele dormiram.
Dizemos a vocês, pela palavra do Senhor, que nós, os que estivermos vivos, os que ficarmos até a vinda do Senhor, certamente não precederemos os que dormem.
Pois, dada a ordem, com a voz do arcanjo e o ressoar da trombeta de Deus, o próprio Senhor descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro.
Depois nós, os que estivermos vivos seremos arrebatados com eles nas nuvens, para o encontro com o Senhor nos ares. E assim estaremos com o Senhor para sempre.” (I Tessalonicenses 4:13-17)

Mas então quem é que se passa pelas pessoas que já morreram e se comunicam com os mortos? Bem, são com certeza seres sobrenaturais.
SÃO SERES ENVIADOS POR DEUS? COM CERTEZA NÃO. POIS DEUS DISSE QUE A MEDIUNIDADE É UMA PRÁTICA REPUGNANTE PARA ELE.
Então que são esses seres? São seres inimigos de Deus. O apóstolo Paulo diz que são seres do exercito de Satanás e o próprio Satanás também:

“Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo.E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz.” (II Coríntios 11: 13-14)

PARA QUE SATANÁS FAZ ISSO? PARA FAZER COM QUE AS PESSOAS DUVIDEM DA PALAVRA DE DEUS E COLOQUEM AQUILO QUE ELAS ESTÃO VENDO, SENTINDO E TESTEMUNHANDO, ACIMA DAQUILO QUE DEUS DISSE. Quando estes ditos espíritos são testados pela Bíblia, eles não passam no teste, provando serem espíritos de demônios. Quando nos comunicamos com estes demônios que fingem ser pessoas que já morreram, estamos lidando com seres super inteligentes que nos enganam facilmente com suas habilidades de enganar. Eles fingem querer o nosso bem, mas na verdade estão nos preparando uma armadilha. Assim como um homem coloca um pedaço de queijo numa ratoeira para destruir o rato, não para alimentar o rato. DIZER QUE O HOMEM POSSUI A IMORTALIDADE EM SI MESMO É O ASSUNTO PREFERIDO DE SATANÁS. FOI ISSO O QUE ELE FEZ COM EVA E É ISSO O QUE ELE FAZ CADA VEZ COM MAIS SUCESSO, ATRAVÉS DE FILMES, NOVELAS E ATÉ POR IGREJAS FALSAS QUE NÃO SEGUEM TOTALMENTE A PALAVRA DE DEUS. CUIDADO! VOCÊ JÁ FOI AVISADO!

Por Mario Cléto


Grifo meu:
Em Hebreus 9:27 “E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo,” Nesta passagem diz claramente que não existe reencarnação

Feiticeiro se converte ao Evangelho.


Feiticeiro se converte ao Evangelho após receber “cura milagrosa”, em resposta à oração de um pastor.


Recentemente o ministério “Gospel for Asia” divulgou o testemunho de Kalith, um homem que era adepto de práticas da feitiçaria, e tinha como crença a adoração a seus antepassados, através de sacrifícios de cabras, porcos e galinhas. Ele afirma que acreditava que, através desses sacrifícios, estaria protegido de todo o mal.

Porém, a mudança em sua vida veio quando foi acometido por uma dor crônica no estômago. Tendo tentado, sem sucesso, uma cura através dos rituais de adoração aos seus antepassados, e não obtendo respostas nem mesmo na medicina, Kalith então buscou ajuda nas orações do pastor Oojam, do Gospel for Asia.

- Ore, e se o seu Deus responder sua oração e me curar, eu vou seguir a Ele – afirmou Kalith ao pastor.
O pastor Oojam relata que orou por Kalith e, após uma semana, ele estava curado e todos os seus vizinhos ficaram sabendo do que aconteceu com ele. Então, o agora ex-feiticeiro e sua família, junto a outros dois casais, se tornaram os primeiros cristãos de sua aldeia.

Através deles, uma congregação cristã se iniciou no local e eles construíram um pequeno local para abrigar as reuniões da igreja que se iniciava. Porém, a construção era precária e, com um telhado de palha, sofreu com a temporada de chuvas na região. Foi então que eles oraram para que, assim como havia curado Kalith, Deus os abençoasse com um milagre para construírem uma igreja no local.

Segundo o Gospel for Asia, as orações foram respondidas através de doações, com as quais construíram um amplo templo que hoje abriga 65 membros da igreja, que adoram e Deus regularmente no local e têm atraído mais pessoas ao Evangelho.

Por Dan Martins, para o Gospel+